O site do seu hotel já tem isso? HTTPS agora é critério fundamental para o Google!

Publicado em: 10/08/2018

Com atualização do algoritmo do Google, ter um site com HTTPS se tornou crucial para seu hotel receber pontos importantes no PageRank.

Em nosso blog, sempre falamos sobre a importância de você ter o site e blog do hotel atualizados. Isso vai além do conteúdo, como texto e fotos, e abraça também questões mais técnicas, como o modo como o site foi estruturado, que precisa seguir regras específicas para obedecer o algoritmo do Google.  

E agora você precisa estar atento a mais um detalhe, que ganha cada vez mais relevância para esse buscador tão importante. A partir de julho de 2018, uma nova atualização do algoritmo do Google torna fundamental que o site tenha a proteção do certificado SSL, que poderá ser visualizado no início da URL do site com a sigla HTTPS ou indicado pelo navegador (Chrome, Firefox, Safari) como site seguro.

Mas, afinal, o que é HTTPS e como ele vai influenciar o site do seu hotel? Não se preocupe! Parece complicado, mas vamos explicar tudo o que você, hoteleiro antenado, precisa saber sobre o assunto!

O que é HTTPS?

Primeiramente, precisamos explicar para você o que é essa sopa de letrinhas: HTTPS. Como se trata de um termo um pouco mais técnico, é comum que alguns hoteleiros não saibam o que ele significa e nem o impacto que ele pode ter na presença virtual do hotel.

Explicando de uma maneira simples, HTTPS é um protocolo de transferência de dados que são realizadas pelo computadores dentro da internet. Com o HTTPS, essa transferência é realizada de modo muito mais seguro, pois usa dados encriptados, evitando, inclusive, que eles vazem e parem nas mãos de pessoas mal intencionadas.

Para que o site do seu hotel passe a ter esse protocolo, é necessário obter um certificado de segurança SSL e instalá-lo no servidor, assim como atualizar todo o código do site. Esse processo pode ser complicado e é bom deixar nas mãos de profissionais especializados.

O que acontecerá com sites dos hotéis que não possuem o HTTPS?

Com a nova atualização de algoritmo do Google, que passou a valer a partir de julho, os sites que não possuem HTTPS serão penalizados com algumas medidas. Mas essas mudanças não começaram agora, desde 2014 ter um site com HTTPS já era critério para aumentar o ranking no Google, que pode auxiliar seu estabelecimento hoteleiro ter mais reservas diretas.

Porém, agora além de ser um fator importante para aumentar o ranking do seu site no principal buscador da web, o Google também manterá um aviso fixo de “Não Seguro” em todos os sites que não fizerem essa atualização.

Exemplo de site de hotel sem o protocolo de segurança HTTPS

Isso significa que quando um visitante e possível cliente entrar no seu site, ele se deparará com um aviso indicando que o seu site não é seguro. Imagine o prejuízo que isso pode causar, principalmente a médio e longo prazo!

Em contrapartida, os sites com HTTPS terão um aviso fixo apontando que aquele é um lugar seguro e que o visitante não precisará se preocupar com roubos de suas informações ali.

Exemplo de site de hotel com o protocolo de segurança HTTPS

Qual impacto do aviso de segurança do HTTPS para o seu hotel?

Além de perder espaço para os seus concorrentes nas pesquisas do Google que já colocaram esse critério, não ter um site com HTTPS pode trazer consequências também para os seus ganhos mensais, principalmente se você consegue hóspedes através da internet.

Ao ver que o site tem um aviso de falta de segurança, muitos visitantes podem decidir sair do domínio ou até dar preferência a outro hotel, por medo de furtos de informações.

E vale lembrar que perder ranking no Google também significa receber menos acessos ao seu site, que, em consequência, também pode significar uma queda ainda maior nas vendas de reservas diretas.  

Sites da plataforma selfHotel possuem suporte HTTPS

Diante de tudo que já dissemos, fica claro que ter um site com HTTPS não é mero acessório; hoje, é crucial para ganhar uma vantagem forte em relação aos seus concorrentes.

Por isso, para garantir que os hotéis membros da plataforma saiam na frente da concorrência, o selfHotel está implantando a partir desse mês o HTTPS nos sites de estabelecimentos associados a nossos principais planos.

E então, descobriu o que é HTTPS e a importância dele para o seu hotel? Tem dúvidas ou outras dicas sobre o assunto? Envie-nos seu comentário e compartilhe a sua opinião conosco!